» Blog » Atualidades

O açafrão no combate ao envelhecimento

Atualidades

Açafrão (Cúrcuma-longa)

Um temperoantiinflamatório importante no combate a Diabetes, Esteatose Hepática e açãoantienvelhecimento. 

Gostoso e colorido, o açafrão brasileiro (aquele amarelinho), rico em “curcumima” (60% de sua composição) e que faz parte do curry, já vem sendo estudado há um bom tempo por sua ação antiinflamatória.

Em um estudo recente, publicado em 2012, pesquisadores da School of Medicine, Saint Louis University-USA, atribuem à “curcumina” a ação de inibir os produtos finais da glicação, os AGEs (Advanced Glycation End-products).

Entenda melhor: a glicação ocorre em nosso organismo, quando uma molécula de glicose (açúcar) em excesso por aumento de ingestão, adere-se a uma molécula de proteína, formando um composto muito mais nocivo do que a simples elevação da glicemia: os AGEs.

A formação de AGEs ocorre vagarosamente sob condições fisiológicas, e afeta predominantemente moléculas de meia-vida longa, como o colágeno, exercendo importante função no processo de envelhecimento. No entanto, sob condições de hiperglicemia ou estresse oxidativo, a geração de AGEs aumenta intensamente. Os portadores de diabetes apresentam concentrações séricas de AGEs significativamente mais altas que os indivíduos não-diabéticos.

Os AGEs são capazes demodificar as propriedades químicas e funcionais das mais diversas estruturas biológicas. Por meio da geração de radicais livres, da formação de ligações cruzadas com proteínas ou de interações com receptores celulares, os AGEs promovem, respectivamente, estresse oxidativo, alterações morfofuncionais e aumento da expressão de mediadores inflamatórios. Além disso, já é bem evidenciado na literatura a contribuição dos AGEs para o desenvolvimento e a progressão das complicações diabéticas.

O estudo americano afirma que a curcumina é capaz de reduzir a expressão dos genes hepáticos que produzem AGES, pois eleva receptores ativados por proliferadores de peroxissomas (PPARs)que são receptores nucleares que regulam a homeostase da glicose, o metabolismo de lipídeos e a inflamação.

A curcumina também atua reduzindo o estresse oxidativo, gerando um aumento da atividade de glutamato-cisteina que atua na síntese de glutationa, uma potente enzima antioxidante.

Esses mesmos pesquisadores, em um estudo inicial em 2011 avaliaram os efeitos da curcumina em pacientes hiperglicêmicos e portadores de esteatose hepática não alcoólica, e os resultados foram muito positivos.

Portanto, vamos lá!

Introduza diariamente açafrão na sua rotina alimentar. Também   conhecido como açafrão da terra, açafrão brasileiro, turmérico, açafrão da índia, gengibre amarelo e açafroa, essa planta herbácea da família do gengibre é originária da Ásia. Associe o açafrão a receitas de pães, bolos, massas em geral, molhos, saladas, refogados, carnes ou até mesmo sucos e vitaminas.

Sugestões: 

  • Cozinhe diariamente arroz ou feijão em água de açafrão.
  • Legumes claros como repolho,abobrinha, couve-flor, acelga  e batatas adicionados de açafrão durante o cozimento ficam muito mais atraentes.
  • Quase todos os sucos podem se aditivados com açafrão.
  • Faça uma mistura de 50% de colorau e 50% de açafrão e utilize normalmente.
  • Bolos, sopas, purês e açafrão são uma perfeita combinação.



ar2
Webmail Compartilhar no Twitter Compartilhar no Facebook Resultados no Bing Resultados no Google RSS Feeds
 © 2012, Dietética Refeições - Todos os direitos reservados. (27) 3235-2499.
App Facebook Instagram You Tube